Como fazer um bom curriculo


Como fazer um currículo

Dicas para confecção e formatação de currículo

Modelo de currículo
Dicas de como melhorar o seu currículo 

Por Ananias Lemos Rodrigues
Última atualização em 7/8/2017, às 10:53

Sugiro que faça o currículo na ordem citada abaixo e com no máximo uma folha (uma lauda), em papel A4 e com margens de 2cm em cima, em baixo, à esquerda e à direita. Aplicando como padrão em todo o texto fonte Arial ou Times New Roman, tamanho 12, texto justificado, espaçamento entre linhas de 1,5. Mas, com destaques no “CARGO PRETENDIDO”, “NOME COMPLETO” e “telefones celulares” , formatando-os em letras capituladas (maiúsculas), negrito, centralizado e tamanho 14 ou 16, conforme especificado abaixo.

Descrição dos itens e destaques
1. Cargo pretendido ou Objetivo: Informe o cargo pretendido ou a área na qual possui interesse.  Use letra maiúscula, centralizado, Fonte 14 ou 16);

2. Nome completo: Escreve seu nome completo conforme consta em seus documentos. Use letra maiúscula, centralizado, Fonte 14 ou 16);

3. Um ou dois números de telefones celulares, informe somente números de telefone do candidato, evite números para recado e telefones fixos dos quais o próprio candidato não possa atender. Use letra maiúscula, centralizado, Fonte 14 ou 16;

4. E-mail: Informe o endereço de e-mail do candidato, mas somente o endereço que costuma verificar com frequência. Use fonte 12, minúsculo;

5. Estado civil (legal), filhos: Informe o estado civil conforme certidão em cartório (solteiro, casado, divorciado, viúva ou  união estável). Coloque "união estável" somente se esta se encontra devidamente registrada em cartório; Informe também a quantidade de filhos que possui, se os tiver.

6. Data Nascimento e a idade atual: Informe a data de nascimento seguida da idade, isto facilita muito para a pessoa que está analisando os currículos pois evita fazer cálculos.

7. Endereço: Informe o seu endereço residencial, se é fixo ou aluguel. Informe também está disposto a se mudar, pois se a empresa ficar muito longe do local onde mora isto pode ser um item desfavorável. Pois, há muitas empresas que evitam contratar candidatos que moram distantes da sua área de atuação, assim evitando dificuldades de transportes, custos e possíveis faltas no futuro.

7. Nível de escolaridade: Informe o nível de escolarização, se fundamental, médio ou superior; e complemente a informação informando o nível é completo, incompleto ou em andamento; inclua a data de previsão de término;

8. Idiomas: Caso possui cursos de idioma ou conhecimento em outras línguas informe o nível por habilidades: leitura, escrita, conversação, fluente; conforme uma auto avaliação. Se ainda não possui cursos de idiomas, mas gostaria de fazer, saiba que a maioria das faculdades particulares que possuem cursos superior em "Letras idioma", possuem cursos na língua abertos a comunidade a baixo custo, isto também ocorre nas instituições públicas federais. Além disto, atualmente com a internet se pode aprender muito do inglês e do espanhol em sites, bastado apenas dedicação e disciplina.

9. Cursos profissionalizantes: Informe três cursos relacionados com o cargo pretendido. Há cursos que são relacionados a praticamente todas as áreas de atuação profissional, por exemplo: informática, digitação, atendimento ao cliente, técnicas de vendas, qualidade dos processos, apresentação pessoal e profissional, matemática básica e financeira, rotinas administrativas, língua portuguesa, inglês técnico, Qualidade no trabalho, e muitos outros. O interessante é que muitos destes cursos podem ser feitos gratuitamente por meio das prefeituras m secretarias próprias, no Sebrae, no Sistema S - Sesi, Sest - Senai bem como nos sites destes órgãos por módulos de Educação a distância - Ead. Também há instituições de ensino públicas e particulares que oferecem mini cursos profissionalizantes a comunidades, geralmente nos períodos de férias escolares em julho/agosto e de dezembro a fevereiro.
10. Experiência Profissional: Antigos empregos e experiências profissionais relacionadas com o cargo pretendido. Incluir o tempo que durou a função. Até Três experiências profissionais;

11. Data e local: Informe a data e cidade da empresa que pretende entregar o currículo.


Importante!

É indispensável no currículo e na vida do candidato como profissional, cursos de informática, segundo grau completo, boa comunicação, bom nível de leitura e escrita do português e boa apresentação pessoal e profissional. E tudo isto pode ser verificado rapidamente por meio de um currículo "bem feito" ou "mal feito". Pois, quem sabe informática e possui um bom nível de português não admitiria certos erros na confecção do currículo, assim de nada adianta ser um bom candidato, mas sequer conseguir redigir o próprio currículo com clareza  para informar a selecionador que você está apto para o cargo. O contrário também é verdadeiro, pois de nada adianta fazer um currículo bem organizado cheio de informações e detalhes que te façam ser escolhido, mas que na prática isto não se confirma. assim, recomendo que evite exageros e mentiras na hora de redigir um currículo.

Fuja de padrões clássicos, currículos de papelarias, frases e textos usados sem a devida reflexão, do tipo corte e cola. Seja natural.



Cuidado!

Muitas vezes, currículos são descartados imediatamente por faltarem informações importantes, tal como o cargo pretendido ou idade, ou mesmo informações básicas como telefone de contato e endereço.

Atualmente, com as redes sociais, também é importante saber se apresentar nestas mídias, pois o que é postado na rede pode te ajudar a conquistar uma vaga de emprego ou acabar de vez com as suas chances de conquistar uma vaga de emprego. Então, seja cuidadoso com o que posta no Facebook, Twitter, LinkedIn entre outras.

Boa sorte!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Entenda o LIPTE/LIATE (utilizado na Integração UDV)

Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos - ENCCEJA 2018

A Bíblia Sagrada no mundo